SER MILITANTE

Para ser militante do Aliança, preencha o formulário de adesão. Receberá depois um email de confirmação com os passos seguintes para concluir o processo. O valor mínimo da quota anual é de 15 €, podendo efetuar um contributo de maior valor reforçando a capacidade financeira do Partido na sua fase inicial.

Se preferir, poderá efetuar a sua inscrição através de formulário impresso, bastando fazer o download e proceder conforme previsto no mesmo.


-

Responsável pelo tratamento: Partido ALIANÇA, email: militante@alianca.com.pt. Finalidade do tratamento: inscrição e gestão da condição de militante na ALIANÇA, cujo fundamento de licitude é o artigo 9.º, n.º 2, alínea d), do Regulamento Geral sobre a Proteção de Dados. Os dados pessoais do militante são objeto de processamento informático e de utilização no âmbito das atividades das estruturas internas e autónomas e diferentes candidaturas eleitorais internas de militantes recebidas, nos termos dos Estatutos e dos Regulamentos Eleitorais do Aliança, com a garantia de não serem divulgados a outras entidades para outras atividades que não se enquadrem no âmbito das atividades do Partido. Caso se venha a equacionar a cedência de dados a terceiros para uma finalidade legítima, tal carecerá sempre da obtenção prévia do consentimento do militante. Prazo de conservação: os seus dados serão conservados enquanto perdurar a condição de militante e, caso se aplique alguma norma estatutária ou regulamentar que implique a conservação dos dados para lá desse momento, nomeadamente de ordem disciplinar, até ao final do prazo estatutariamente ou em regulamento previsto para a efetivação dessa norma.

Direitos dos titulares: O titular dos dados pode exercer os seus direitos de acesso, retificação, oposição, apagamento ou limitação dos seus dados pessoais, nos termos do RGPD, devendo, para o efeito, remeter o seu pedido, por escrito, para militante@alianca.com.pt.

Direito de queixa: caso assim o entenda, o titular dos dados tem o direito de apresentar queixa junto da autoridade de controlo nacional, a Comissão Nacional de Proteção de Dados.

Encarregado de Proteção de Dados: Em cumprimento do RGPD, o Encarregado da Proteção de Dados pode ser contactado através do endereço eletrónico epd@alianca.com.pt

Direito de queixa: caso assim o entenda, o titular dos dados tem o direito de apresentar queixa junto da autoridade de controlo nacional, a Comissão Nacional de Proteção de Dados.

ALIANÇA

Entre Portugueses, entre territórios, entre forças políticas democráticas, entre pessoas de diferentes condições económicas, raças, etnias, religiões, nacionalidades, orientações sexuais, opções de vida e ideologias.

UNIR RESPEITANDO A DIFERENÇA E AS DIFERENÇAS.

 VIMOS PARA CONSTRUIR.

PORTUGAL PODE MUITO MAIS!

A ALIANÇA quer ser um partido com disciplina de voto, fiel aos valores e princípios que constituem a identidade nacional, europeísta, mas apaixonado por Portugal.

Nascemos porque temos causas próprias e, sendo uma força política, podemos lutar por elas.

A ALIANÇA É DAS PESSOAS E PARA AS PESSOAS!

Em que somos diferentes:

  • Somos Europeus e Europeístas mas não aceitamos dogmas sobre a construção europeia;
  • Exigimos a Bruxelas o respeito pela coesão económica e social;
  • Rejeitamos a Bruxelas a destruição de ativos essenciais da economia nacional;
  • Defendemos o Estado Solidário, a cada um em função das suas necessidades;
  • Queremos economia limpa e não sacrificamos a defesa do ambiente ao crescimento económico a caminho da economia partilhada;
  • Perfilhamos o trinómio da essência e das prioridades nacionais: Cultura, Inovação/Investigação, Mar;
  • Gostamos de ganhar no Desporto mas queremos ganhar nas TI’s;
  • Defendemos a importância da Segurança Social publica mas também sistemas de previdência individuais;
  • Defendemos o SNS mas também o estímulo cada vez maior aos seguros de saúde com deduções fiscais efetivas;
  •  Somos pelo cheque-ensino;
  • Somos mesmo pela coesão territorial e pela distribuição equilibrada de serviços e recursos pelo território nacional;
  • Acreditamos nas vantagens de uma forte redução da carga fiscal;
  • Privilegiamos o apoio ao investimento e a criação de riqueza;
  • Defendemos outro regime de consolidação da dívida externa com alteração do esforço anual;
  • Defendemos a redução do número de Deputados para 160 e a criação de 60 lugares de Senadores com peso igual das diferentes Regiões – Plano e especificidade das Regiões Autónomas e das Comunidades;
  • Círculos uninominais;
  •  Programas Europeus com Metas: Produtividade, Justiça, Redução do peso do Estado;
  • Intergeracionalidade;
  • Cuidadores familiares em vez de lares sociais;
  • Menos prisões, mais penas substitutivas, poupando ao Estado e defendendo as Famílias ;
  • Contrato individual de trabalho na Função Pública com contratação por mérito;

A Aliança só começa agora mas há quem defenda tudo isto há muito tempo. Importa lutar, importa fazer.

Aliança:

  • entre Portugueses
  • entre parcelas do território, forças políticas democráticas e afins,
  • entre pessoas de diferentes condições económicas, raças, etnias, religiões, nacionalidades, orientações sexuais, opções de vida, ideologias.

Unir respeitando a diferença e as diferenças.

NÃO PERCA AS NOVIDADES

Gostaríamos de mantê-lo informado sobre como queremos contribuir para o futuro de Portugal. Dessa forma, estará sempre atualizado com as últimas notícias. E não se preocupe, nunca partilharemos os seus dados com ninguém.

Autorizo receber informações da Aliança.